22 de abril: Azulejos na Avenida Tamoios retratam o Descobrimento do Brasil

Geral


22/4/2021 - Hoje, quinta-feira, dia 22 de abril, é comemorado o 521º ano do descobrimento do Brasil. Quem passa com olhares atentos pela principal avenida da cidade, pode perceber esse momento retratado há mais de meio século em um quadro pintado à mão em 182 azulejos no quarteirão da Avenida Tamoios entre as ruas Piratinins e Potiguaras. O prédio foi construído na década de 1960 pelo empresário Linésio Tâmega para receber a então Casa Vitória.
A residência do empresário, já falecido, ficava no andar de cima. Por trabalhar no setor de calçados, Tâmega, que era natural de Jundiaí, visitou um vendedor daquela cidade que vendia sapatos na região de Tupã, que apresentou um quadro pintado em azulejo. “Linésio, que estava na casa desse vendedor, viu uma pintura em um azulejo, mas que não se tratava do mesmo perfil dessa gravura”, explicou o fotógrafo Eduardo Dantas.
“Durante a conversa, o vendedor falou sobre o Atelier Artístico Moral de São Paulo, que era o mais importante do País na época. Linésio então foi para São Paulo e comprou essa pintura feita no azulejo e a instalou aqui. Isso aconteceu na década de 1960, quando a casa estava sendo construída”, afirmou o fotógrafo.
Dantas destacou que o motivo pelo qual o empresário escolheu esse quadro para decorar a fachada do prédio na Avenida Tamoios ainda é incerto. “Não se sabe se ele chegou no atelier para comprar algo diferente e acabou gostando dessa gravura. Mas, por ser um grande atelier, além de fazer as imagens por encomenda, eles já deviam ter pinturas prontas. E por ser a reprodução de um quadro, o ateliê deve ter feito várias dessas gravuras”, disse.
O fotógrafo explicou que o Atelier Artístico Moral tem o histórico de retratar em seus quadros de azulejos acontecimentos históricos do País, principalmente do Estado de São Paulo. “Eles seguem essa tendência dos acontecimentos paulistas”, destacou.
As pessoas passam apressadas pela Tamoios, olham as vitrines, mas não atentam para a verdadeira obra de arte, no segundo pavimento do conhecido prédio comercial. Vale à pena não só ver, mas também fotografar para apreciar depois em casa cada detalhe da fantástica obra. O que se espera, é que tanto esta como outras obras do gênero sejam preservadas, já que fazem parte da história de Tupã.

Atelier
Artístico Moral
Waldemar Moral Sendin, já falecido, foi o mais famoso artista de pintura em azulejos em São Paulo, junto com seus irmãos Armando e Estrela. Não raro os trabalhos eram executados em azulejos e tintas vindos de Portugal. Há painéis feitos pelo atelier espalhados por várias cidades do País, em especial na capital e no interior paulista.

Sua notícia

Esta área é destinada para o leitor enviar as suas notícias e para que possamos inserí-las em nosso portal. Afim, da população ter informações precisas e atualizadas sobre os mais variados assunto

Envie a sua notícia por e-mail:

Todas as notícias

publicidade