Governo anuncia investimentos para Tupã

Política


O vice-governador Márcio França (PSB) e o secretário Estadual de Turismo, Laércio Benko (PHS), estiveram em Tupã na manhã da última sexta-feira para cumprir agenda de compromissos na região e anunciar investimentos.
Dentre os vários compromissos, o vice-governador se reuniu com produtores de amendoim que lhe  apresentaram reivindicações específicas para o desenvolvimento do setor. 
Outra reunião que França participou, na última sexta-feira, foi na cidade de Marília, onde a empresa Rumo Logística tratou sobre a recuperação da via férrea na região. “Essa será uma obra grande e moderna, com investimentos de mais de R$ 7 bilhões”, afirmou o vice-governador. “Essa linha vai do Mato Grosso até Santos. Ela passa por todo o Estado de São Paulo, com diversos ramais transversais que irão ‘cortar’ essa passagem, inclusive, na região de Tupã”, acrescentou. A medida, segundo o vice-governador, irá facilitar a produção e a exportação do que é produzido na região.

O vice-governador participou na tarde da última sexta-feira da abertura da 58ª Festa do Ovo, em Bastos. França, que também é secretário Estadual de Desenvolvimento, Ciência e Tecnologia, se reuniu com produtores para analisar investimentos no setor avícola.
Vale lembrar que o município de Tupã pleiteia junto ao governo estadual a instalação de uma Fatec (Faculdade de Tecnologia) e de um Batalhão da Polícia Militar. As reivindicações tramitam no Palácio dos Bandeirantes, em São Paulo.

Cenário político

Márcio França disse que torce para o governador Geraldo Alckmin (PSDB) se candidatar, ser eleito e assumir a Presidência da República. “Se ele fizer isso, que é o mais provável, no ano que vem ele se afasta do governo por exigência da lei. Durante um período, eu ocupo a função porque essa é a minha obrigação”, salientou. 
A eventual candidatura de França para o governo do Estado dependerá de conversações com Alckmin. “Nossa prioridade, agora, é eleger Alckmin para a Presidência da República”, observou.

Tupã

O vice-governador destacou o relacionamento político que tem com os vereadores do seu partido (Renan Pontelli, Charles dos Passos e Osmídio Castilho) e com o presidente municipal da legenda, Thiago Santos. “Temos uma relação de cerca de três anos de convivência. O prefeito está presente nas reivindicações e nós estamos tentando ajudar. Criamos um polo importante em Tupã”, disse França, ao destacar o relacionamento que possui com prefeitos e prefeitas da região. “Estamos contentes com a região, que é forte para nós”, acrescentou.

Turismo

O secretário Estadual de Turismo, Laércio Benko, ressaltou que a pasta irá colocar em andamento as obras da Avenida Tamoios e do Espaço das Artes. “O dinheiro já está liberado. Agora é só dar andamento, destravando questões burocráticas”, afirmou. 

Os recursos são de cerca de R$ 6 milhões para os projetos, compostos pelas duas fases da remodelação da Avenida Tamoios, e o Espaço das Artes. “Tivemos uma conversa muito produtiva com o prefeito Ricardo Raymundo (PV) e com os vereadores. Vamos dar andamento célere a essas questões”, salientou Benko.
O prefeito irá disponibilizar um funcionário que terá contato direto com a Secretaria Estadual de Turismo, para regularizar as pendências com a pasta. Em contrapartida, o secretário disse que irá disponibilizar um funcionário na Secretaria Estadual de Turismo para atender as demandas de Tupã. “Teremos um local dentro da secretaria só para fazermos Tupã andar. O governador e o vice-governador não admitem que dinheiro fique parado”, garantiu. “Nesse momento temos a necessidade de fazer o País andar, gerar emprego e distribuir renda. Por isso, não podemos ficar parados por questões burocráticas”, completou.

Cadin
O secretário admitiu que o município estava inscrito no Cadin (Cadastro de Inadimplentes) Estadual, com pendências na Secretaria Estadual de Esportes. A inscrição impossibilitava o recebimento de verbas públicas e execução de convênios com o Estado. Benko garantiu que o município “já fez sua parte” para resolver esse problema burocrático. “Vamos solucionar isso junto ao secretário Estadual de Esportes. A inscrição é de apenas R$ 4 mil, um valor irrisório. Vamos pedir para o secretário agilizar essa baixa da inscrição”, salientou.

Sua notícia

Esta área é destinada para o leitor enviar as suas notícias e para que possamos inserí-las em nosso portal. Afim, da população ter informações precisas e atualizadas sobre os mais variados assunto

Envie a sua notícia por e-mail:

Todas as notícias

publicidade