Início da obra ainda depende do DADE

Geral


Após várias apresentações públicas realizadas, a Secretaria de Planejamento e Desenvolvimento Urbano esclareceu todos os detalhes sobre o projeto da “Nova Tamoios”. 
Segundo as informações, trata-se de um projeto de execução de infraestrutura e modernização da Avenida Tamoios, contemplando a execução da rede de galerias pluviais, pavimentação asfáltica, execução de passeio, sinalização, acessibilidade, iluminação e paisagismo. 
A proposta, segundo a pasta, busca dar vitalidade ao espaço público e corrigir as demandas atuais de infraestrutura.

Ainda segundo a pasta, conforme o projeto, a obra de infraestrutura (galerias) inicia-se na Avenida Tamoios, no trecho compreendido entre o Córrego Afonso XIII (ponte da Tamoios) até a Rua Coroados; e a intervenção urbanística, no trecho compreendido entre a Rua Tupis até a Rua Coroados.
O projeto será executado em etapas, seguindo a sequência: etapa de drenagem pluvial, reposição de pavimentação asfáltica, execução de passeio, iluminação, paisagismo e pavimentação asfáltica.
A 1ª etapa está avaliada em R$ 2.800.132,94, incluindo contrapartida municipal de R$ 103.696,44. Já a 2ª etapa vai custar R$ 3.095.668,54, incluindo contrapartida municipal de R$ 20.578,73. No total, a “Nova Tamoios” custará R$ 5.895.801,48.
A Secretaria de Planejamento informou que os projetos da etapa 1 e etapa 2 encontram-se protocolados, aguardando análise e autorização para licitação. O prazo de execução é de 8 meses.

Detalhes

Os estudos preliminares foram executados pela Prefeitura de Tupã, visando a formalização dos convênios com o DADE, nos anos de 2012 e 2013.
Para desenvolvimento de projeto executivo foi contratada a FDTE – Fundação para o Desenvolvimento Tecnológico e Engenharia (integrada por técnicos da USP).
Os projetos contratados foram: execução da rede de galerias pluviais, pavimentação asfáltica, execução de passeio, sinalização, iluminação e paisagismo.

O custo da contratação para elaboração dos projetos foi de R$ 650.038,00 (trecho da ponte da Tamoios até a Rua Nhambiquaras).
O prazo de início da obra será a partir da autorização do DADETUR.

O plano de obras prevê a seguinte etapa sequencial de serviços: drenagem pluvial, início na ponte da  Tamoios e término na Coroados; passeios, início na Rua Tupis e término Rua Coroados); paisagismo, com início na Rua Tupis e término Rua Coroados); pavimentação asfáltica, com início na Rua Tupis e término na Rua Coroados); nova iluminação, com início Tupis e na Coroados; reposição de pavimento asfáltico, com abertura para drenagem, em todo o trecho; e sinalização horizontal e vertical.

Sua notícia

Esta área é destinada para o leitor enviar as suas notícias e para que possamos inserí-las em nosso portal. Afim, da população ter informações precisas e atualizadas sobre os mais variados assunto

Envie a sua notícia por e-mail:

Todas as notícias

publicidade