Para comemorar, museu promove concurso cultural e passeio educativo

Geral


O Museu “Índia Vanuíre”, instituição da Secretaria de Cultura do Estado de São Paulo, gerida pela ACAM Portinari, principal instituição cultural do município, já deu início à programação especial em comemoração aos 88 anos da fundação da cidade de Tupã. 
O museu realiza neste mês um concurso cultural de fotografias para estudantes da cidade, com votação nas mídias sociais. O concurso de fotos é destinado aos alunos do 4º ano do ensino fundamental das escolas estaduais. O objetivo é trazer à tona o sentimento dos pequenos em relação ao local onde vivem. Eles foram convidados a produzir uma fotografia a partir da frase: “Por que eu gosto da minha cidade?”.
A ação está dividida em cinco partes: período de entrega das imagens nas escolas, que terminou na segunda-feira, dia 9; classificação das cinco melhores pelas instituições, até esta sexta-feira, dia 13; envio das fotos para o museu, até o dia 16, próxima segunda; votação popular pelo Facebook no @museuindia vanuire, de 17 a 29; e a divulgação do resultado, dia 30. 
Ainda de acordo com a proposta, como é um concurso cultural, a intenção é fazer os alunos olharem para a cidade e desenvolverem seus laços com o local e darem visibilidade ao que produziram. O prêmio é simbólico, representando importante destaque nas mídias sociais do museu e a divulgação dessa conquista aos três mais votados. “A importância  e expectativa desse concurso fotográfico é levar nossos escolares, participantes do concurso, a observar com maior detalhe os pontos históricos, turísticos  e pitorescos de sua cidade, que muitas vezes desconhecem e passam despercebidos por não serem incentivados por parte da família ou da escola. São pontos referenciais e fundamentais da  história de nossa cidade, cujo maior objetivo é de trazer à tona o sentimento dos pequenos em relação à cidade em que vivem, onde, através desse concurso, estarão  reconhecendo os locais que justificam a frase: ‘Por que eu gosto da minha cidade?’”, declarou a diretora do museu, Tamimi Rayes Borsatto.

Passeio

Já o passeio cultural começa no próximo sábado, dia 14, e segue nos dias 21 e 28, às 15 horas, com saída do museu. O objetivo é proporcionar um olhar mais atento sobre a cidade. Nos três sábados, serão percorridos marcos importantes que se relacionam ao processo de formação e desenvolvimento do município. Em cada ponto serão apresentados áudios com informações sobre o trajeto e os locais.
A ação busca valorizar os monumentos históricos de Tupã como lugares de acontecimentos importantes. A programação permite a compreensão sobre a importância de preservá-los para as gerações futuras, o que se contrapõe a um processo de transformação intenso, que desconsidera o valor cultural de algumas construções, substituindo-as por outras.
Segundo as informações, o passeio será feito por um trenzinho. Durante o percurso, haverá áudio explicando os pontos e a história que eles carregam. Para participar, basta comparecer no museu, nos dias 14, 21 e 28, às 15 horas. 
Segundo o museu, o passeio abordará os pontos históricos desconhecidos por muitos moradores da cidade. O percurso terá destaques como o local onde foi a primeira estação rodoviária, hoje  Bradesco; o local da primeira casa, hoje Casas Bahia; o primeiro posto de gasolina, na Avenida Tamoios, esquina com Aimorés, o Posto Cacique, hoje Banco do Brasil; o local da primeira escola, a EE Bartira, hoje Delegacia de Ensino; e a Estação Ferroviária, que foi responsável pelo desenvolvimento da cidade, assim como outros pontos históricos e turísticos de Tupã. “Quanto ao passeio, o museu pretende proporcionar às famílias e ao público interessado um momento de olhar mais atento sobre a cidade, por meio desse passeio cultural. O roteiro  percorrerá marcos importantes que se relacionam no processo de formação e desenvolvimento de Tupã.  Para garantir a qualidade do passeio, será apresentado em cada parada um áudio com informações sobre o trajeto e os marcos históricos de nossa cidade. O objetivo do passeio cultural é valorizar os momentos históricos de Tupã como lugares de acontecimentos importantes e merecedores de um olhar diferente, permitindo a compreensão sobre a importância de preservá-los para as gerações futuras”, destacou Tamimi. 
 
Manutenção

Recentemente, o Museu “Índia Vanuíre” passou por serviços de manutenção, porém, isso não afetou seu funcionamento. Segundo o museu, o funcionamento permanece normal. A obra é o reforço em uma estrutura do prédio. Trata-se de uma manutenção predial de rotina, visto que o imóvel foi construído há quase 40 anos. A obra já foi finalizada.

Atendimento

O Museu Histórico e Pedagógico “Índia Vanuíre” fica na Rua Coroados, 521, ao lado do Solar “Luiz de Souza Leão”. Maiores informações podem ser obtidas pelo telefone (14) 3491-2333. Na internet, o e-mail do museu é contato@ museuindiavanuire.org.br, já o site www.museuindia vanuire.org.br.

Sua notícia

Esta área é destinada para o leitor enviar as suas notícias e para que possamos inserí-las em nosso portal. Afim, da população ter informações precisas e atualizadas sobre os mais variados assunto

Envie a sua notícia por e-mail:

Todas as notícias

publicidade