jdiario@diariotupa.com.br

Tráfico
Dise prendeu adolescente no ‘Jammil’

          A Polícia Civil de Tupã, através da Delegacia de Investigações Sobre Entorpecentes (Dise), efetuou a prisão de mais um traficante no final da tarde de segunda-feira
Trata-se de um adolescente, com apenas 16 anos de idade. A prisão ocorreu durante operação policial de combate aos pontos de vendas de drogas, desenvolvida pela delegacia especializada.
Foi realizada a apreensão de dez porções de crack, dinheiro e balança de precisão.
Após preenchidas as formalidades legais, o infrator foi apresentado ao Juizado da Infância e Juventude, para deliberação quanto a sua internação em estabelecimento específico, onde permanecerá à disposição da Justiça Pública.
Sandro Resina Simões, delegado da Dise de Tupã revelou que a movimentação no local já vinha sendo acompanhada há alguns dias.


Eleições 2014
Eleitor só pode ser preso em casos especiais

          Desde ontem, nenhum eleitor brasileiro pode ser preso ou detido, exceto em caso de flagrante, em virtude de sentença por crime inafiançável ou por desrespeito a salvo conduto. De acordo com o artigo 236 do Código Eleitoral, a restrição é válida até o dia 7 de outubro, ou seja, 48 horas após o fechamento das urnas.
A justificativa da lei, herança do período de ditadura militar, é de que a proibição é uma garantia de que o eleitor exercerá o direito ao voto sem que ninguém o impeça ou o atrapalhe. Ainda segundo a lei, “ocorrendo qualquer prisão o preso será imediatamente conduzido à presença do juiz competente que, se verificar a ilegalidade da detenção, a relaxará e promoverá a responsabilidade do coator”.

Presidiários

Em São Paulo, estima-se que existem 220 mil presidiários, sendo que 40%, o que equivale a mais de 80 mil, são provisórios. Entre eles, cerca de 5 mil estão aptos a votar. Na prática, porém, espera-se que no máximo 2 mil compareçam às urnas no próximo domingo.
Ao questionar a participação de presidiários no processo eleitoral, muitos dizem levar em conta os “riscos” que isso poderia trazer à sociedade.
De acordo com o CNJ, entre os 711 mil presidiários brasileiros, aproximadamente 285 mil não têm condenação definitiva. Segundo dados do Tribunal Superior Eleitoral (TSE), apenas 19 mil participaram das eleições de 2010 no Brasil. Em 2012, foram menos de 9 mil.



Vítima de golpe, aposentada perde R$ 650,00

          Neste período do mês, em que aposentados sacam seus benefícios e trabalhadores começam a receber seus salários, é preciso ficar muito atento, evitando os golpes na “saidinha dos bancos”.
Os malandros estão sempre prontos para agir. Como aconteceu com uma aposentada, de 74 anos, que sofreu um prejuízo de R$ 650,00, depois de ser vítima de golpe praticado por um índivíduo desconhecido.
O crime aconteceu na esquina da Avenida Tamoios com Rua Aimorés, na região central da cidade, por volta das 13 horas de segunda-feira.
De acordo com o que ficou apurado, a vítima recebeu em uma agência bancária a quantia de R$ 650,00. Ao sair do banco, foi acompanhada por um homem bem vestido, que trajava calça e camisa social. Ele abordou a aposentada e pediu para ela devolver o dinheiro que havia recebido.
Quando a aposentada indagou a razão, ele explicou que ela deveria se dirigir até a agência do INSS para fazer um cadastro, momento em que iria receber muito mais que os R$ 650,00. Inocentemente, a idosa entregou o dinheiro ao indivíduo que desapareceu em seguida.
Momento depois a mulher notou que havia caído em um golpe. O sujeito estava observando-a, viu quando ela sacou o dinheiro e aplicou o golpe, que não teria acontecido se ela estivesse acompanhada no momento.


IACRI
Cidade teve um final de semana com muitas ocorrências

          O último final de semana não foi nada normal na vizinha cidade de Iacri. No sábado, dia 27, por volta das 18h15 min, na Rua Amazonas, 1.365, M.P.D., de 20 anos, foi flagrado pela Polícia Militar, durante patrulhamento, atirando tijolos em uma residência.
O rapaz foi abordado e acabou reagindo à prisão, até tentando agredir os policiais. Para conter o jovem, foi usada força moderada e o mesmo foi algemado e colocado no compartimento da viatura.
Ainda descontrolado, o rapaz usou sua cabeça e quebrou o vidro lateral esquerdo da viatura da PM. Ele ainda foi levado ao Pronto-Socorro da Santa Casa de Iacri e, depois, apresentado ao Plantão Policial, onde a delegada Luciana Zanela fez o termo circunstaciado e o jovem foi liberado.

Mais ocorrências

Já no domingo, dia 28, às 16h48 min, na Rua Seis, 81, R.F.A., de 25 anos, esteve envolvido em uma briga com sua esposa. O crime caracteriza violência doméstica. O rapaz agrediu sua esposa e ainda tentou enforcá-la com um fio de ferro de passar roupas.
A Polícia Militar foi acionada através do número 190 e compareceu ao local. R.F.A., muito exaltado, partiu para cima do policial que, imediatamente, pediu reforço ao Copom, que mandou uma viatura de Bastos no apoio.
Durante a briga, o rapaz disse para os policiais “tirarem a farda e ir pegá-lo”. Ainda exaltado, R.F.A. deu um empurrão no policial e em sua parceira, que vieram cair ao solo, sofrendo ferimentos leves. Nesse momento, foi pedido mais apoio e a Força Tática de Tupã compareceu ao local. Finalmente, o indivíduo foi dominado, algemado e colocado na viatura.
A policial que caiu ao solo precisou de atendimento médico na Santa Casa de Iacri.
R.F.A. foi levado à Delegacia de Polícia de Iacri, onde a delegada Luciana Zanela lavrou o termo circunstanciado e liberou o indivíduo para a família.


sobe.gif (937 bytes)


| Home | Economia | Geral | Sociedade | Policial | Esportes | Política | Variedades |Expediente |E-mail

Hosted by UNISITE - Todos os direitos Reservados